Justiça do Trabalho poderá receber depósito por cartão de crédito.

    O TST aprovou, através da Resolução 188, de 14 de novembro de 2012, a Instrução Normativa n. 36 (abaixo) que admite o depósito judicial, através de cartões de débito e crédito.