iPhone chega na Claro com uma bofetada na cara do consumidor

iPhone Claro

A Bia Kunze é dentista e especialista em tecnologia sem fio, mas também não é boba em Direito do Consumidor.

Aliás não é necessário ser nenhum gênio para ver que os planos da Claro relacionados ao iPhone são extremamente leoninos, que é como se denominam contratos em que o fornecedor de serviços tem vantagens desproporcionais às oferecidas ao consumidor, como é o caso dos “minutos” da Claro, que, embora pagos pelo cliente, em decorrência de seu contrato, não podem ser acumulados para os meses subseqüentes.

Isso sem se falar que o preço do produto é proibitivo e a “vantagem” oferecida pela empresa aos compradores consiste, tão-somente, na restituição de uma parte do valor pago, em créditos, ao longo de até 24 meses, o que, em outras palavras, nada mais é do que um plano de fidelidade.

Aliás eu pessoalmente tenho sérias dúvidas acerca da qualidade do serviço da Claro. Estou praticamente desde o lançamento da tecnologia 3G solicitando que me seja disponibilizada sem sucesso.

URL curta para esse artigo: https://wp.me/pVtgW-k3

Publicado por Jorge Alberto Araujo

Jorge Alberto Araujo é Juiz do Trabalho e master em Teoria da Argumentação Jurídica pela Universidade de Alicante, Espanha. Titular da 5a Vara do Trabalho de Porto Alegre/RS.

Participe da discussão

5 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. Comprei equipamento 3G para acesso internet.ao assinar as documentações me deram um outro papel junto ao processo e disseram para assinar (2 vezes) ocorre que esse outro papel, me comprometia a aceitar o acesso como 2G.Infelismente, pela correria da moça srta. Bruna (GuaratinguetaSP), vendedora, assinei e em minha região na cidade não acesso de forma nenhuma o 3G., que segundo dizem agora não esta disponivel para a minha área…entretanto mandam a fatura todos os mêses e tenho pago para não perder a razão futuramente. Fui ao procon e me informaram que na Justiça nesse caso não dão razão ao Maior…(empresa)…vamos ver! estou pagando na claro…GATO POR LEBRE….nUNCA VÍ TÃO DISPRESO QUANDO VOU NAS LOJAS….

    1. @Bruno Cezar Lima,

      Este documento não tem valor algum. Procure um PROCON de sua região e denuncie, ou até mesmo a própria ANATEL, que me atendeu muito bem em um problema que tive há pouco.

  2. Bia, estamos com você, vamos denunciar essas operadoras oportunistas e desleais, que tentam de todas as maneiras ludibriar os consumidores, numa afronta ao CDC e à inteligencia dos consumidores. |Aoeperadora Claro é péssima no atendimento de serviços como prestadora fica a desejar, e aí perguntamos onde está a ANATEL, fiscalização NADFA.

%d blogueiros gostam disto: