Início Direito Não Esmorecer

Não Esmorecer

108
1

Meu amigo Igor anuncia que, infelizmente, lhe faltou ínfimo 0,14 ponto para a aprovação no Concurso para Procurador Federal. O que, conforme ele próprio, não será motivo para a sua desistência.

E de fato não há razões para esmorecer. Um resultado tão bom demonstra que seu objetivo de alcançar um bom emprego de carreira federal está próximo e que, em breve, o teremos exercendo um cargo público de responsabilidade.

Mas há, é verdade, um grande número de candidatos que fica pelo caminho. São pessoas que fazem a prova apenas por fazer, outros que de fato não estão preparados… a verdade é que neste tipo de concurso o nosso grande adversário somos nós mesmos. E superar os próprios limites nem sempre é fácil.

O livro acima, Inteligência Emocional, de Daniel Goleman, que está à venda no Livraria Cultura, me ajudou muito a me convencer a mim próprio acerca da minha capacidade.

É um livro de auto-ajuda (embora com fundamentos científicos bastante válidos) e quem tem preconceito acerca deste tipo de leitura não deve, de fato, lê-lo, no entanto quem não tem terá no livro uma excelente ferramenta para o seu aperfeiçoamento pessoal.

1 COMENTÁRIO

  1. Prezado Dr. Jorge,

    Como havia dito antes, sou colega “vizinho de mesa” do Igor. Ao ler a msg dele no Blog (Never Surrender) e ao comentário sobre o livro do Dan Goleman (q li 2x), fez-me lembrar de um comentário feito por um jornalista inglês, quando testemunhou os aplausos da torcida brasileira, no Maracanã, em 1950, à equipe uruguaia, ao terminar aquele 2×1 …

    “O Brasil foi grande ! Muito maior na derrota do q teria sido na vitória !”

    E, percebe-se q, alguns anos depois (1958), iríamos ter o júbilo de conquistar a 1ª de 5 Copas do Mundo, e curiosamente contra os “donos-da-casa” (no caso, os Suecos).

    Vale registrar q estas informações decorrem de uma certa “memória de filhote de elefante” e não de ter sido vivente àquele período …

    Pois muito bem … a verdade é q os supostos “fracassos” ensinam muito mais q os sucessos. Faz-nos vigilantes, pacientes e (permitindo invocar uma predileção religiosa) e confiantes na Providência, q sabe do q precisamos antes mesmo de pedirmos !

    Assim, conhecendo o Igor, tenho certeza de q o suposto “fracasso” por lhe faltar 0,14 (q ainda se sujeita a uma revisão recursal) uma hora se converterá em um estrondoso sucesso num futuro muito próximo.

    Atte

    Guilherme

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.