Categorias
Geral

Covid-19 Recomendações Jurídicas

Estou recebendo orientações de alguns prestigiados escritórios de advocacia sobre como agir no período de isolamento causado pela pandemia do Novo Coronavírus. 

Os documentos, em arquivo PDF, estão disponíveis nos links abaixo. 

É importante ressaltar que tudo é muito novo e muitas das orientações levam em conta apenas as informações presentes no momento em que estão sendo escritas. 

Certamente haverá a edição de Decretos, MPs e leis tanto no curso da epidemia como para regular as relações posteriores a ela.

Categorias
Geral

Sobre “Linguagem Neutra”

Recepção dos calouros de Letras na UFMG

A imagem que ilustra este artigo corresponde a uma postagem no Twitter da Universidade Federal de Minas Gerais, onde há uma foto em que uma aluna de Letras saúda os calouros com a utilização do que se tem convencionado chamar de “linguagem neutra”. 

Na verdade a frase ali registrada de neutra não tem nada. Pelo contrário, parece mais algo dito pelo humorista Antônio Carlos Bernardes Gomes, o Mussum, do grupo Os Trapalhões. 

Bem-vindes caloures da Letras” é uma frase triste por vários aspectos. É triste porque emitida por uma aluna de uma prestigiada universidade pública que tem as suas vagas duramente disputadas por estudantes interessados em melhorar as suas expectativas de futuro a partir do diploma do ensino superior. Mas é ainda mais triste porque é nas faculdades de Letras que se cultua ou deveria cultuar o idioma nacional. 

Linguagem neutra que, ademais de invocar grafias inexistentes no nosso idioma, não ajuda em nada as demandas que os diversos grupos minoritários relacionados a gênero. 

Mulheres, pessoas trans, homo ou bissexuais, ou quaisquer das classificações que se incluam na sigla LGBTQI+, ou uma das suas atualizações, não necessitam de alterações idiomáticas para terem seus direitos respeitados. 

Este tipo de demanda ou de manipulação semântica nunca foi objeto de demanda de homens, alegadamente o gênero opressor que, desde épocas imemoriais se identificaram como dentistas, taxistas, cientistas, cineastas, especialistas, anestesitas, etc. 

Tampouco prejudicou a sexualidade ou identidade de gênero de animais como zebras, girafas, capivaras, onças, cobras, etc. 

Homens tem a sua ideologia, sua classe, sua profissão, sua identidade. Todas no feminino.

Se a língua é algo vivo e que se transforma, esta transformação deve ser algo natural como, por exemplo, tem sido a incorporação de palavras de outros idiomas ao nosso vernáculo, como kiwi, mouse ou joystick.

Bons artistas da linguagem, como escritores, ou outros profissionais, com certeza lograrão usar, se acharem conveniente, uma linguagem neutra existente, sem precisar apelar para a invenção de palavras ou alteração de sua grafia o que, aliás, pode prejudicar a leitura de deficientes visuais através de ferramentas adequadas para a leitura. 

Assim no lugar de calouros, podemos usar “estreantes” ou “debutantes”, no lugar de alunos, “estudantes”. Tudo de uma forma elegante e sem corromper o idioma de Camões. 

 

Categorias
Geral

Meu curso online de interrogatório vai acabar

Detalhe da capa do livro Interrogatório Eficaz.

Estimados amigos, como eu já informei antes, eu estou envolvido em um projeto superbacana na Faculdade Monteiro Lobato no qual vou apresentar o que tenho estudado de mais moderno sobre Audiência Trabalhista, com detalhes especiais sobre Persuasão, Decisão Judicial, Interrogatório de Partes e Testemunhas, Negociação.

Estive pensando e considerei que manter online um curso em que muitas destas técnicas são reveladas pode ser um tipo de concorrência desnecessária ao curso que será realizado presencialmente.

Por conta disso decidi que nos próximos dias VOU TIRAR DO AR o curso de Interrogatório Eficaz online que mantenho na Udemy.com.

São 17 vídeos e material complementar composto de diversos textos que orientam sobre a matéria.

Obviamente que esta decisão apenas vai significar que o curso não poderá mais ser adquirido, considerando-se que conforme as regras da plataforma o acesso ao curso é vitalício.

Também me comprometo a manter-me respondendo às perguntas formuladas pelos estudantes que já estão inscritos. São, atualmente, mais de 100 alunos, muitos dos quais já concluíram, mas muitos também continuam cursando e muitas vezes revendo os vídeos e material que lá está.

Para não pegar ninguém de surpresa eu vou dar um prazo de alguns dias antes de encerrar o curso e preparei uma promoção de 50% de desconto, mas por tempo limitado.

Portanto quem gostaria de ter os vídeos sobre o interrogatório judicial, aproveite AGORA e se inscreva no curso, porque ele vai ACABAR.

Categorias
Geral

Menção honrosa à Conciliação no TRT4.

O nosso Tribunal do Trabalho da 4ª Região acaba de receber a Menção Honrosa do Prêmio Conciliar é Legal do CNJ pela ferramenta I-Con (Investigação de Conciliação).

A ferramenta foi concebida durante o período em que eu e o colega Eduardo Batista Vargas dividimos a coordenação do Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas CEJUSC/TRT4.

O seu desenvolvimento partiu de uma ideia que Eduardo e eu tivemos em relação ao tratamento dos dados estruturados que possuímos em relação aos fatores que podem influenciar na conciliação.

Ao final do processamento é apresentada uma listagem de processos que tem uma aptidão maior para a solução através de acordo.

Foi um trabalho conjunto que contou com a participação dos diversos setores do Tribunal: Tecnologia da Informação, Gestão Estratégica e Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos.

Tudo isso, contudo, não teria sido possível sem o apoio incondicional do Gabinete de Presidência e da Presidente Vania Cunha Mattos a quem agradecemos e cumprimentamos pela conquista.

Categorias
Geral

A lista secreta dos livros que estão usando para influenciar você.

A lista secreta dos livros que estão usando para influenciar você.

Conforme prometido aqui vai uma lista das principais obras não jurídicas que são as minhas fontes de consulta para a minha atividade profissional. 

Você pode perceber que elas são, na sua maioria, obras de psicólogos, economistas e outros cientistas renomados que, em suas pesquisas estão identificando comportamentos repetitivos humanos e como atuar para compreendê-los e fazer com que funcionem a nosso favor.

No entanto eu já descobri que apenas a sua leitura não é suficiente. 

Muitos amigos e alunos para os quais eu simplesmente indiquei estas obras, embora tenham gostado muito delas, não souberam aplicar o que elas ensinam e, em algumas oportunidades, as aplicaram de forma completamente equivocada. 

Em breve eu vou apresentar uma metodologia inédita que estou desenvolvendo para que possamos obter o máximo proveito possível na utilização destas técnicas descobertas por estes cientistas.

Por enquanto é importante que você procure acessar e ler estas obras. Eu as relacionei em uma ordem de importância para mim dos seus conteúdos e recomendaria, tanto quanto possível que sejam lidas nesta ordem. 

Para facilitar eu coloquei um link para que possam ser adquiridas no site da Amazon, que é a que geralmente tem o melhor preço. 

Rápido e devagar: duas formas de pensar. De Daniel Kahneman.

Antifrágil: Coisas que se beneficiam com o caos. De Nassim Nicholas Taleb

Como chegar ao sim: Como negociar acordos sem fazer concessões. De William Ury, Roger Fisher e Bruce Patton.

Negocie como se sua vida dependesse disso. De Chris Voss.

Comunicação não-violenta: técnicas para aprimorar relacionamentos pessoais e profissionais. De Marshall Rosenberg.

Falando com estranhos. De Malcolm Gladwell.

O Herói de Mil Faces. De Joseph Campbell.

A Jornada do Escritor: Estrutura Mítica para Escritores. De Christopher Vogler.

A Mais Pura Verdade sobre a Desonestidade. De Dan Ariely. (esgotado nas livrarias)

O poder da persuasão. de Robert Cialdini.

As armas da persuasão. De Robert Cialdini.

Trabalhe 4 horas por semana. De Timothy Ferriss.

Superprevisões. De Philip E. Tetlock e Dan Gardner.

O andar do bêbado: Como o acaso determina nossas vidas. De Leonard Mlodinow.