decifrar pessoas

De vez em quando é preciso revisar a nossa bibliografia. Acabo de perceber que um livro que é um dos meus livros de cabeceira desde praticamente o meu ingresso na magistratura foi atualizado.

Decifrar pessoas, de Jo-Ellan Dimitrius, é uma obra interessantíssima. A autora é uma especialista em escolher jurados em casos de grande importância.

A escolha do júri, em ações criminais e mesmo cíveis nos Estados Unidos é uma atividade de grande importância, às vezes preponderante para a vitória ou derrota em uma causa que lhes é submetida. Esta situação pode ser vista, por exemplo, no filme O Júri.

Na obra ela faz um apanhado geral das técnicas que utiliza para identificar, dentre os candidatos a jurados, quais os que tenderão a simpatizar com a causa de seus clientes. Por óbvio a utilidade das técnicas de Jo-Ellan é muito mais ampla, e serve, por exemplo, para um advogado identificar a qualidade de suas testemunhas, possibilidade de persuasão em relação aos julgadores, etc.

Com certeza quem conhece a obra tem uma vantagem em relação aos demais.

Compre agora mesmo Decifrar pessoas, de Jo-Ellan Dimitrius.

Ou procure um exemplar usado na Estante Virtual.

URL curta para esse artigo: https://wp.me/pVtgW-1k9

Publicado por Jorge Alberto Araujo

Jorge Alberto Araujo é Juiz do Trabalho e master em Teoria da Argumentação Jurídica pela Universidade de Alicante, Espanha. Titular da 5a Vara do Trabalho de Porto Alegre/RS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: