Feeds completos

Uma das primeiras atitudes que tomei, logo que comecei a blogar, foi de fornecer meus FEEDs completos. Hoje isso praticamente não se discute mais entre blogueiros de verdade.

Assim hoje quando discutia algumas alterações (dentre as quais o fornecimento de FEEDs) em uma página institucional que ajudo a manter, fiquei aparvalhado com a proposta de um colega de fornecer os FEEDs parciais – para fazer que os internautas comparecessem na página.

Desconhece-se que os leitores mais assíduos são os leitores de FEEDs, os quais, no entanto, chegam a ler artigos de mais de 600 sites, o que torna inviável qualquer navegação tradicional.

Desprezar este tipo de leitor em benefício de uma estatística mais favorável nos Analytics da vida é um erro tão demodê que nem dá para explicar.

Por Jorge Alberto Araujo

Jorge Alberto Araujo é Juiz do Trabalho e master em Teoria da Argumentação Jurídica pela Universidade de Alicante, Espanha. Titular da 5a Vara do Trabalho de Porto Alegre/RS.

3 respostas em “Feeds completos”

Pois é Jorge, não basta ter a ferramenta, tem que saber utilizá-la de maneira inteligente.

Faço questão de cancelar Feed parciais, exceto dos sites que avisam isto e EU quero assinar mesmo assim.

Ponto pra você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.